É possível encontrar narrativas que remetem às situações que os personagens de O auto da compadecida vivem em qualquer feirinha nordestina de folhetos de cordel. É que Ariano Suassuna, quando escreveu essa peça de teatro, colou a história de um livreto aqui, outra acolá, outra naquele canto, sempre, contudo, respeitando uma coerência. Não só o enredo – as rimas das falas dos personagens, os títulos das partes da obra, a iconografia utilizada – tudo no texto respeita essas fontes. Mas a forma medieval/shakespeariana da peça (e da encenação que ela requer) não tem tanto a ver assim com esse universo popular nordestino. O motivo disso é o movimento cultural (encabeçado pelo próprio Suassuna) a que a peça se vincula: o Armorial. E a característica principal dele é a quebra da barreira entre popular e erudito, com o objetivo de unir a força da identidade popular com obras de arte universais.

A eleição cada vez mais uníssona de Ariano para cânone literário brasileiro, por parte da crítica, e sua força crescente como figura midiática não podem explicar só por si a adaptação da peça teatral para minissérie televisiva (exibida na Rede Globo). A própria peça tinha potencial de gerar boas experiências áudio-visuais. Vamos a uma rápida sinopse dela: em Taperoá, sertão paraibano, vive de pequenos bicos e muita esperteza, a dupla João Grilo e Chicó. O primeiro, que costuma dar jeito em tudo, arruma encrenca na tentativa de convencer o Padre João a benzer a cachorra de sua patroa, a fogosa Dora, mulher do padeiro Eurico. O segundo, covarde e mentiroso, segue os passos do amigo, mas insiste em que as coisas vão terminar mal. Está também, na pequena cidade, Rosinha, a filha do poderoso Major Antônio Morais, que oferece a mão da moça a um pretendente valente e rico. A situação piora quando Chicó se apaixona por ela e, com a ajuda de João Grilo, tenta enganar o Major. É quando entra em cena, ainda por cima, o temível cangaceiro Severino e seus capangas. E a bagunça se forma.

O potencial da peça foi concretizado com sucesso por Guel Arraes, que transformou seu próprio texto de adaptação (em parceria com Adriana Falcão e João Falcão) em um fenômeno de audiência através de uma linguagem moderna que buscou técnicas e estratégias no cinema e na televisão estrangeira para superar os tiques “novelescos” da maior parte do áudio-visual brasileiro. O sucesso foi tanto que os episódios tiveram que ser editados e transformados num longa-metragem que fez parte daqueles raros filmes brasileiros que são sucessos de bilheteria.

19 Respostas to “O Auto da Compadecida”

  1. Keren-Hapuque Says:

    Assiti a uma paletra de Ariano onde ele, com muito orgulho, falava de João Grilo, defendo-o das acusações de ser um ati-heroi. Muito pelo contrário, dizia ele, o meu João grilo é um heroi. E falou da grande identificação do público com esse personagem. Essa identificação poderia ser com o comerciante, o fazendeiro, mas não é com o João Grilo, ele afirmou. Citou inclusive um fato ocorrido em uma cidade europeia onde a peça foi apresentada, após o termino da peça o ator que interpretava joão Grilo foi o mais procurado pela platéia. ( Ariano leu o fato em um jornal)

    Os personagens de Ariano trazem nas suas composições elementos universais e por isso, acredito, é possível as identificaçãoes que acontecem com diversas culturas e estratos. A adptação para a televisão brasileira e o seu grande sucesso deve-se a esse conjunto: uma boa produção, um elenco impecável e personagens, em essência, universais.

    Aristeu, um abraço!

  2. LAINE Says:

    E MUITO EMGRAÇADO PELO FATO DE CHICO EMVENTA SOBRE A GAITA KKKKKKKKKKKKKKKKKKK

  3. LAINE Says:

    EU ASSISTI ESSE FILME 12 VEZES PODE PAREÇER MENTIRA MAIS E A MAIS PURA VERDADE A TODOS PESSONAGENS UM ABRAÇO THAU

  4. Tiago Says:

    Lane, 12 vezes? Isso não é nada! E eu, que já perdi a conta, já sei todo o filme decorado. Acho que o filme completo do começo até o fim, já vi umas 50 vezes, fora as ínumeras vezes que assistia apenas uma parte.
    Estou até digitando o texto do filme, sem precisar de ouvir o filme, pra se lembrar, si a ordem das cenas, falas, figurino, cenários e tudo! Já visitei até o local em que gravaram o filme, e conheci o senhor que foi o dublê d ator Rogério Cardoso, que fez o Padre João.

  5. valdeci Says:

    `um teatro mto mais além d q se imagina..personagens riquissimos…ameo assistir este video

  6. Maria Carolina Says:

    OI!!
    Eu estava interessada nas falas da parte 08 do Filme o Auto da Compadecida, para a execução de um teatro… Mais não consegui achar!
    Obrigado!!

  7. Madeleine Says:

    eu quria saber qual é o fato principal do texto quer diisser do filme? e a onde é posiivel ocorrer os fatos?
    qual aproximadamente o tempo de deuração dessa cena?

    1. igor Says:

      1hora e 4 minutos

  8. mariana Says:

    O FILME É MUITO ENGRAÇADO GOSTEI MUITO!!!

  9. malu Says:

    nossa assisti esse filme mais de20 vezes parece mentita mais cada vez q assisto quero muito e muito mais assistir

    1. malu Says:

      e bm legal mesmo mais ja fucei na net umas mil vezes e nao consigo achar as falas onde acho?

  10. samer sousa Says:

    por causa desse filme tenho que fazer uma peça……. mas e muito bom!! rss

  11. Tay Says:

    Nossa o melhor filme que já assisti acho que umas 70 ou 100 vezes sem mentira nenhuma “Hoje a noite não paroquia de Taperoá vai passar a paixão DE de cristo uma filme de aventura que mostra um caba sozinho enfrentando o império romano todinho,não perca a historia de um vivente que Deus e homem ao mermo um filme cheios de milagres acontecimento do outro mundo a paixão de cristo o filme mais arretado do mundo e se num for eu sege-Musiquinha -o padre joão porque que sera que nesse filme jesus nunca olha assim de frente o vivente que olha para face de Deus morre-Ave maria já pensou se esse homem vira de repente pra cá -vira nada não existe ator digino de representa tal papel-e porque o senhor mesmo no se candidata que maluquice é essa o senhor né representante de Deus ia ganhar um dinheirão como artista de cinema – a pois é que eu sou um cristão meio safado que não fiquei muito satisfeito com a minha paga passar esse filme joão grilo já é um trabalho santo se jesus soube a sacanagem e a certa qualidade de padre era capaz dele sacudi essa cruz fora e subir direto pro céu-olha a falta de respeito-jesus morreu pelos pobres chicó a gente pode se permiti certas intimidade-a gente não me meta em suas confusões ja chega as que voce me mete aqui na terra -isso é que ser mal-agradecido quem foi que lhe arranjou esse emprego de passar filme -i queimou vai ter que apela pra outro -to bebido joão e agora o que é que a gente faz- a gente não ,não me meta em suas confusões -vomo devolver o dinheiro-devolver o dinheiro uma pinoia que eu perco minha porcentagem-mai então -eles num ja viram o filme quase todo- mais faltou o final -a o final dessa historia todo mundo já sabe-mais pelo jeito tão querendo ver de novo-calma minha gente que aperreio é esse, chico parrou o filme porque quis num é – é é -mas parou porque foi padre joão mermo que pediu-num é padre joão e poque que o senhor mandou para o filme no momento mais emocionante dele que é a crucificação-exatamente isso mermo é que voces vao ver o resto do filme a qui mermo e nao é em tela de cinema nao e quem vai nos mostra é o padre joao- é seguinte todo mundo de joelho que padre joão vai reza o sacrifiçio d jesus que morreu na cruz para nus salvar-essa missa foi encomendada por joão e para isso vai fazer a doação que recebeu em beneficio das obras da igreja -episodio de hoje o testamento da cachorra-cade caçou alguma coisa -quase – ta ai um bicho gostoso esse quase a gente quase assar quase come e quase morre de fome- quase pego pra mais de quinze pacas-estou quase lhe pegando na mentira-oxe fuleragem quando foi que ja me vu menti…..ESSE É UM DAS PARTES QUE SEI-AXO QUE SEI ATÉ A ENCOMENDA DA Bença DA CACHORRA….

  12. YAN Says:

    eu tive que fazer um trabalho de escola sobre o filme

  13. dryckáh Says:

    nossa esse filme é otimo tanto para assistir quanto para fazer peca minha professora me passou esse filme para fazer uma peça teatral com duas cenas desse filme mais naum aguentei tive que fazer mais de duas canes porque esse filme leva ate voce o que voce ainda ´~ao vivei por isso quem ainda não assiatei esse fillme….. não sabe o que esta perdendo….. muito otimo ela adorei ou alias adorei não ameiii……..

  14. eriberto Says:

    eu queria o roteiro da parte q o bispo chega

  15. maria zoraide Says:

    eu tanbem isso este foi um filme que ensentivou muitas pessoas a nao mais fazer coisas eradas……

  16. maria zoraide Says:

    eu assisti
    tbm

  17. ronildo Says:

    e muito irado
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.